Você está aqui: Página Inicial > Noticias > Semana de defesas de TCC da Licenciatura em Teatro contou com o primeiro acadêmico indígena do curso

Semana de defesas de TCC da Licenciatura em Teatro contou com o primeiro acadêmico indígena do curso

por publicado: 14/12/2020 17h44 última modificação: 15/12/2020 13h25

Na noite de sexta-feira, dia 11 de dezembro, o acadêmico do Curso de Licenciatura em Teatro, Caciporé Jorge Correia de Lima, defendeu o seu TCC intitulado "Semeando o Teatro do Oprimido na aldeia urbana de Curitiba - Kakané Porã", sob orientação do Prof. Me. Eduardo Walger. Para todos os presentes, o acadêmico apresentou uma bela metáfora, onde o processo educacional de seu povo transformou-se em uma árvore com raízes formando um grande rizoma que reforça as estruturas e galhos frondosos dos quais, sementes de pinhão caem para multiplicar ensinamentos, a cultura e as tradições indígenas.

É importante ressaltar que se trata do primeiro acadêmico indígena que concluiu o TCC na Licenciatura em Teatro desta Universidade e que, por meio de sua cultura, nos ensinou um pouco das formas particulares com as quais os povos originários, tradicionais da nossa terra ensinam seus jovens. Formas ancestrais de passar ensinamentos, de transmitir sua história e tradições.

Nós integrantes da CUIA da FAP, parabenizamos o acadêmico e desejamos sucesso na implantação da proposta pedagógica, de levar o ensino de arte, por meio do teatro para a Oca central da aldeia Kakané Porã e futuramente para todo o povo indígena que puder alcançar.

 Profª Dulcinéia Galliano Pizza

Profº Paulo Roberto Silva Santos

Profª Noemi N. Ansay

Ag. Universitário Bruno Noronha Machado

 

O referido TCC integrou a programação da semana de defesas  de TCC do Curso de Licenciatura em Teatro da FAP, realizada entre os dias 07 e 11 de Dezembro.  Foram noites muito especiais envoltas em muita emoção com as apresentações das pesquisas desenvolvidas por estudantes do nosso curso em plena crise sanitária.

A defesa do TCC é sempre um momento muito emblemático em um curso de graduação, pois inaugura uma transição importante no exercício da profissão que se escolheu. E, na última sexta-feira, pudemos prestigiar uma emocionante defesa do nosso aluno Caciporé Jorge Correia de Lima, que defendeu sua pesquisa intitulada “Semeando o Teatro do Oprimido na aldeia urbana de Curitiba – Kakané Porã”.

Testemunhar nosso primeiro aluno indígena defendendo seu trabalho como futuro professor, licenciado em teatro, em meio a uma pandemia, é algo para celebrarmos. Vivemos em um momento de muita luta e grandes incertezas, em que a Educação e as Artes vivem sob constante ataques e os Povos Originários são ameaçados e desassistidos. Então, a defesa de TCC do Caciporé representa um marco importante para nossa História.

Hãti bã!

 

Profº Cristovão de Oliveira Carraro

Coordenador dos TCCS da Licenciatura em Teatro